quarta-feira, fevereiro 28, 2024

Justiça revoga alterações nas normas de saúde e segurança do trabalho

A Justiça do Trabalho concedeu liminar, na quarta-feira passada, dia 22 de abril, revogando todas as Normas Regulamentadoras alteradas pelo governo federal. A decisão atinge em cheio todas as NRs editadas nos últimos meses e a partir de agora, passam a valer as regras anteriores. A liminar concedida é do juiz do Trabalho Substituto Acélio Ricardo Vales Leite em resposta a uma Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).

Entre as mudanças em curso no Ministério do Trabalho está a NR 17, que trata de ergonometria e dos efeitos psicossociais da organização do trabalho. No caso dos bancários, essa norma protege a categoria contra metas abusivas e assédio moral. O governo queria manter no texto da NR 17 apenas as questões relacionadas a ergonomia, e retirar a parte dos riscos psicossociais. No entanto,com a concessão da liminar, o MPT garante a permanência dos efeitos da norma.

O juiz entendeu que o processo de revisão precisa seguir os critérios impostos pela legislação e determinou multa de R$ 500 mil, caso a União descumpra a liminar.

A ação do MPT busca resguardar os princípios democráticos previstos em leis e convenções da OIT, especialmente o diálogo social e a busca do consenso necessário para alterar normas legais relativas à saúde dos trabalhadores e impede que o governo faça alterações à toque de caixa.

Diretoria Executiva da CONTEC

Últimas Notícias

Imposto de Renda 2024: mudança na tabela progressiva afeta MEI? O que é DASN?

No início de fevereiro, o governo federal anunciou a atualização da tabela progressiva do Imposto de Renda (IR) com a isenção do pagamento para...

Desenrola das empresas: programa de renegociação de dívidas pode ter 8 milhões de beneficiados

Aproximadamente 6 milhões de microempreendedores individuais, além de outras 2 milhões de pequenas empresas que recolhem impostos pelo regime de tributação do Simples Nacional,...

Bancos não abrem no Carnaval

Agências bancárias de todo o Brasil não terão atendimento presencial na segunda-feira (12) e na terça-feira (13) de Carnaval. O funcionamento será retomado na Quarta-feira...

Relator no STF vota para permitir demissão de funcionário concursado de estatal sem justa causa

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou nesta quarta-feira para considerar constitucional a dispensa imotivada de empregado de...

CONTEC anuncia a criação do Conselho Contec Mulher

A Contec tem o prazer de anunciar a criação do Conselho Contec Mulher, uma iniciativa pioneira destinada a promover a igualdade de...