sexta-feira, setembro 25, 2020

CAMPANHA SALARIAL: Reunião de negociação com a Caixa Econômica Federal

A Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação – CEBNN/Contec esteve reunida nesta quarta-feira  (12), em videoconferência, com os representantes da Caixa Econômica Federal para debater a pauta de reivindicações dos empregados nesta Campanha Salarial. 
A reunião foi coordenada por parte da CONTEC, pela diretora de Finanças da CONTEC, Rumiko Tanaka, acompanhada dos representantes das FEEB  AL/PE/RN, FEEB GO/TO, FEEB MG, FEEB PR, FEEB SP/MS, SEEB GO, ADVOCEF, ANEAC, AUDICAIXA e FENAG; e, pela Caixa, foi coordenada pela gerente executiva GN/Relações Trabalhistas, Mychelly Rodrigues Braga e o superintendente de Relações de Trabalhistas, Edgad Rodrigues, acompanhados dos demais membros.
Durante a reunião, foram abordados os temas: teletrabalho/Home Office e Saúde. 

TELETRABALHO
A Caixa fez apresentação de como tem adotado o teletrabalho dentro da empresa, detalhando práticas e informações relativas ao tema. A comissão Contec manifestou preocupações com o trabalho à distância, desde a garantia dos direitos dos empregados até o custeio das despesas extras, que porventura ocorram. Outra questão levantada foi com relação ao controle da jornada de trabalho, que muitas vezes diante das cobranças acaba excedendo.  
Do ponto de vista da empresa existem muitos pontos favoráveis à adoção do teletrabalho. Todavia, pela novidade do assunto e diante das pesquisas efetuadas nas bases das entidades sindicais, ainda há muito a discutir e refletir sobre esta nova modalidade que ainda preocupa a categoria.

A Comissão Contec reconhece que o teletrabalho  é uma realidade, mas que jamais poderá ser obrigatória ou imposta.  È preciso ter muito cuidado com as comparações existentes com outras instituições sobre esta prática, tendo em vista que a Caixa possui uma realidade bem diferente devido ao seu portfólio de produtos e serviços, bem como se tratar de uma empresa voltada para o social. 
A Caixa afirmou que nada será obrigatório e que esta modalidade está sendo implementada em alguns setores da empresa com muito diálogo entre as partes e espera poder aprimorar juntamente com as representações de forma que alcance o bem estar de ambos os lados.


SAÚDE
Quanto ao tema Saúde, a Caixa trouxe um relato do que vem praticando neste tempo de pandemia.   A Comissão Contec ressaltou que o momento exige muito mais, já que os empregados Caixa estão na linha de frente, oferecendo o máximo de si, diante de um quadro de tão grave risco. 
Assim, a comissão dos empregados elencou vários pontos que precisam de melhoria para preservar a saúde dos empregados neste período. Um destes pontos foi atualizar o protocolo, retirando da área comercial qualquer decisão sobre fechamento/afastamento de empregado/higienização de unidade e testagem de empregados. 
Os empregados entendem que essas diretrizes devem ser decididas pela área de saúde/RH da empresa e não pela área de negócios.  Outro ponto questionado foi a intenção da empresa em retornar empregados que tenham pessoas no grupo de risco em sua casa.  Para as entidades sindicais o momento exige compromisso pela vida. 

JORNADA DE TRABALHO

Outro apontamento feito pela representação CONTEC foi o fato de que em algumas localidades houve a redução da jornada de trabalho de 8 para 6 horas para prestadores/atendentes por meio de alterações contratuais, o que ocasionou sérios transtornos para o atendimento às filas/informações.

Para a representação dos empregados, o momento exige novas contratações e não corte. A comissão Contec solicitou que o atendimento às unidades retorne aos horários normais, sem extensão de horários de atendimentos, e que não haja abertura de agências aos sábados e feriados.  

Salientou que os empregados que estão na linha de frente, já em número reduzidos, sobrecarregados, em clima de tensão, sem que haja um reconhecimento e motivação por parte da empresa.  

Para a representação dos empregados, o que a Caixa apresentou até o momento é importante, porém, considerado muito pouco diante de tudo o que os empregados estão se sujeitando e suportando para atender a população e tornar a Caixa uma empresa a altura dos brasileiros neste momento único e totalmente distinto de tudo o que já ocorrer até o presente momento. É hora de fazer mais por aqueles que fazem de tudo para a Caixa.

A próxima rodada de negociação está agendada para o dia 14 de agosto onde serão abordadas novas cláusulas da pauta.   Esperamos que a Caixa traga respostas as reivindicações e preocupações apresentadas pela comissão nacional dos empregados, demonstrando sensibilidade com seus empregados.

CALENDÁRIO DE NEGOCIAÇÃO – CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

17/08 – Temática: Igualdade de Oportunidade, Violência Contra Mulher e Cláusulas Sociais
Horário: 14h às 16 h
19/08 – Temário a combinar
Horário: 11h às 13 h
24/08 a 28/08 – Cláusulas pendentes e Finalização da Revisão do ACT
Horários a definir

Federação dos Empregados Dos Estabelecimentos Bancários de MG-GO-TO-DF

Alfredo Brandão Horsth – Presidente

Fone: 31 9 9971-4553

Av. Portugal 399 – Jardim Atlântico

Últimas Notícias

Inscrições para nova turma do Curso Preparatório do CPA20

Já se encontram abertas as inscrições para nova turma do Curso Preparatório do CPA20. Professor Douglas Alves, CEA.

DIEESE Home Office Brasil e UFs

Acesse e leia na íntegra. Clique no ícone abaixo:

Bradesco Teletrabalho Link para Votação

Link para votação https://forms.gle/fLzWiYaCyULbnGCD7 Principais pontos do Acordo Coletivo de Teletrabalho: Definição

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA VIRTUAL

SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS BANCÁRIOS DEVARGINHA E REGIÃOASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA VIRTUALEDITAL DE CONVOCAÇÃOO Presidente do SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOSBANCÁRIOS DE...

Confirmando a informação de que o Itaú pagará a antecipação da PLR dia 21/09 e abono + salários reajustados no dia 25/09.

Os empregados  receberão a antecipação da regra básica e da parcela adicional da PLR. A antecipação da regra básica corresponde a 54%...