quarta-feira, maio 22, 2024

CAMPANHA SALARIAL – CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

Terminou em São Paulo a reunião presencial de negociação entre a CEBNN/CONTEC e a Caixa Econômica Federal, que aconteceu na manhã desta quarta-feira (24).

A Contec cobrou da Comissão Caixa que renove todo o acordo de 2020/2022. Para a comissão do banco, algumas cláusulas serão avaliadas e ainda discutidas até sexta-feira (26). Na avaliação das entidades sindicais devemos preservar as conquistas e discutir novas cláusulas entre as demandas dos empregados.

Na reunião, a Caixa apresentou proposta de manter o pagamento integral de horas extras para agências com até 20 empregados. Para as demais agências, a compensação é de até 6 meses, pagando 50% das horas.A Comissão Contec entende que este prazo não atende aos empregados e avalia que os 60 dias atuais já estão atendendo. 

Pedimos informações sobre a quantidade de empregados que representam as agências com até 20 empregados em detrimento às demais.

Outra proposta da Caixa trata do intervalo de almoço, dando opção aos empregados de utilizarem o período entre 30 e 60 minutos, com anuência do gestor. Esta proposta é destinada aos empregados com jornada de 6 horas diárias.

A Comissão Contec pediu à Caixa que apresente proposta dos caixas minutos, tendo em vista que os empregados têm sido prejudicados e estão acumulando atividades com os trabalhos nos caixas e não estão sendo remunerados de forma justa.

O intervalo para descanso dos caixas, também foi discutido. A Caixa alega que a NR17 teve alterações e já não se aplica a algumas atividades da empresa. Para a Comissão Contec atualmente existem muitas teses que apontam para o descanso intermitente da jornada, inclusive os prejuízos que as telas dos computadores utilizadas durante muito tempo trazem sérios prejuízos aos olhos, dentre outros pontos.

Com relação ao trabalho remoto/ teletrabalho, os profissionais defendem regras mais claras e uma avaliação melhor da necessidade do trabalho remoto, considerando que em sua grande maioria, os profissionais entendem que o trabalho remoto traz mais vantagens para a empresa e para os empregados. 

Destacaram que a empresa precisa de um olhar mais objetivo para esta categoria, visto que para o empregador, em sua maioria, o trabalho remoto atende perfeitamente e carrega estas características e não está com estudo correto sobre este ponto.

Na oportunidade a Comissão Contec fez uma correlação entre trabalho remoto e presencial. Para o remoto, tão defendido pelos bancos se tornando uma realidade, já na carreira profissional.

Nesta modalidade o empregado estando em casa pode se levantar, respirar, andar um pouco e fazer algumas atividades as quais no presencial não tem esta liberdade.

Assim foi pedido, este cuidado com quem está no presencial, para estas pausas necessárias para alongamentos, higiene pessoal dentre outras necessidades para evitar doenças e prejuízos à saúde.

Ressaltamos que a Caixa afirmou que o trabalho remoto discutido não abrange as agências neste momento.

Para amanhã, dia 25/08, a Caixa trará novas propostas e respostas às nossas reivindicações, inclusive para a PLR que será discutida ainda nesta quarta-feira (24) com a Fenaban.

Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação- CEBNN/CONTEC

escrito por Assessoria Igor

Últimas Notícias

AGU vai usar inteligência artificial para revisar benefício negado pelo INSS, diz Messias

Um novo projeto prevê que a Advocacia-Geral da União, por meio de uma programa de inteligência artificial, revise uma negativa do INSS a um...

ONU adota primeira resolução global sobre inteligência artificial

A Assembleia Geral das Nações Unidas adotou nesta quinta-feira (21), por unanimidade, a primeira resolução global sobre inteligência artificial para incentivar a proteção de...

Trabalho forçado e exploração sexual movimentam mais de R$ 1 bi por ano em todo o mundo, diz relatório da OIT

A exploração sexual é uma atividade ilegal, execrável, visada, mas muito lucrativa. E responde por uma parcela significativa dos casos de...

Declaração pré-preenchida do IR 2024 começa em 15 de março

A declaração pré-preenchida do Imposto de Renda 2024, ano-calendário 2023, vai ser liberada pela Receita Federal a partir de 15 de março, quando...

Câmara aprova projeto que isenta de IR quem ganha até 2 salários mínimos

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira (12) um projeto de lei que isenta de Imposto de Renda quem ganha até...